HOME

Concerto "Fazer a diferença faz bem" encanta e emociona o público.

A regente da Orquestra Villa-Lobos, professora Cecília Rheingantz Silveira, antes do emocionante e memorável concerto no auditório do Foro Central - Prédio II, falou a Imprensa-Cejus sobre sua emoção no momento.

"Este concerto aqui no Foro Central tem o componente de ineditismo, porque é resultado de um esforço conjunto de várias entidades da área do Judiciário, que se reuniram para apoiar o projeto desta orquestra estudantil. É um concerto que tem este vigoroso diferencial, porque as pessoas que ocupam a plateia, ao mesmo tempo em que assistem a nossa música, também estão colaborando com este trabalho."

A regente Cecilia acentuou, deixando transparecer sua emoção, que "a orquestra transita por muitos espaços na área da Educação e da Cultura e temos os concertos e espetáculos que nós mesmos é que promovemos, e hoje temos este diferencial que e a união dessas entidades do Judiciário por esta causa da edificaçáo da juventude através da música. Tudo está associado ao nome do concerto: Fazer a diferença faz bem!"

O concerto "Fazer a diferença faz bem" às 19h30min de quinta-feira, 05/11/2015, no Auditório do Foro Central - Prédio II, se constituiu de uma viagem musical por composições clássicas e populares de diversas culturas internacionais, causando um saudável impacto emocional no público que lotou o amplo auditório. A orquestra, regida por Cecília, contou com 40 alunos músicos.



A Presidente do Cejus, Maria Beatriz Rodrigues Machado, e sua Presidente do Conselho Fiscal, Jusselaine Comes Porto, juntamente com a Diretora, a Pedagoga e a Psicóloga da Escola Infantil Cejuquinha, Andréia Atti Simões, Daniela Cardoni Balestrin e Roberta Stefanini Machemer respectivamente, e as funcionárias Daiane, Silvana e Vanilde, prestigiaram o grande evento.

O CEJUS com a AJURIS, Brigada da Solidariedade, Sindjus-RS, ASJ, Abojeris e Acedijus, compartilhou do esforço para a realização deste evento cultural.

Com 23 anos de existência, a Orquestra Villa-Lobos da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Heitor Villa-Lobos, é regida pela professora Cecília Rheingantz Silveira, e atende mais de 900 crianças e adolescentes da Lomba do Pinheiro, bairro localizado na zona leste da Capital. Com apresentações em diversos Estados e em países como Uruguai e Argentina, o projeto já gravou os CDs O Trenzinho do Caipira (2002) e Olhos Coloridos (2008) e o DVD Orquestra Villa-Lobos Ao Vivo (2013), além de ser tema do livro Orquestra Villa-Lobos – Música Que Transforma (2012).

Cada ingresso deu direito a um exemplar do livro "Historinhas para Ler Durante a Audiência dos Pais", escrito e disponibilizado por Pio Giovani Dresch. A publicação reúne algumas situações presenciadas pelo magistrado durante sua atuação no 2º Juizado da Vara de Família do Foro Regional do Partenon, na Comarca de Porto Alegre, contadas de forma leve e de fácil compreensão.