HOME
Repúdio ao pacote do Executivo

A Diretoria do Centro dos Funcionários do Tribunal de Justiça, como representante classista e integrante do Conselho Deliberativo da União Gaúcha, se une ao Movimento Unificado, integrado por 44 sindicatos, e assume a posição de repúdio ao conjunto de projetos encaminhado pelo Governo Sartori à Assembleia Legislativa e que estará na pauta de votação hoje. Especialmente foca o PL 206/2015, que trata da responsabilidade fiscal e será apreciado na CCJ, e o PL 320/2015, que aumenta o ICMS, e tem sido repudiado pela sociedade gaúcha, que deve ir a votação em plenário.
A preservação da dignidade do servidor é inerente à Democracia.