HOME


MORREU DONA EVA SOPHER

Eva Sopher, a presidente da FST (Fundação Theatro São Pedro) morreu na noite desta quarta-feira (7/02/2018), aos 94 anos, em Porto Alegre. Dona Eva, como era conhecida, já estava afastada das funções justamente por problemas de saúde. Em 2016, ela chegou a ser internada em decorrência de um AVC (acidente vascular cerebral).

O velório ocorrerá entre 11h e 18h desta quinta-feira (8/03/2018) no próprio Theatro São Pedro, no Centro Histórico.

A presidente da FST nasceu em Frankfurt, na Alemanha, em 18 de junho de 1923 e era descendente de judeus. Em 1936, em razão da perseguição nazista, veio para o Brasil, onde residiu, primeiramente, no Rio de Janeiro. Posteriormente, em São Paulo, estudou arte, desenho e escultura no Instituto Mackenzie e, em 1950, adquiriu nacionalidade brasileira. Dez anos depois, mudou-se para Porto Alegre.

Dona Eva assumiu a direção do teatro São Pedro em 1975 e liderou a sua restauração, que terminou quase uma década depois, em 1984.

Em 2015, foi laureada com a Medalha Goethe. O prêmio é uma homenagem realizada anualmente pelo Instituto Goethe a personalidades vinculadas à Alemanha que se destacam na expressão cultural de seus países e colaboram para promover o intercâmbio internacional entre as culturas. A honraria se deu em razão da sua colaboração internacional para o intercâmbio das culturas brasileira e alemã.

A Presidente do CEJUS, Maria Beatriz Rodrigues Machado, pelos funcionários, Associados e amigos da Entidade, manifesta profundo sentimento de respeito e admiração pela extraordinária contribuição de Dona Eva Sopher, ao longo de sua vida, ao valores culturais e históricos da sociedade sulriograndense e brasileira, associando-se à dor de todos os gaúchos.